Envie agora seu recado!

200
caracter(es) restante(s)

Notícias

Audiência entre secretário da Agricultura e chefe da Embrapa Trigo trata sobre sistema integrado de pesquisa

Na reunião foram abordados o pesquisa soja terras baixas, soja convencional e o programa Conservar para Produzir Melhor

05 de outubro de 2017 às 16:41
Audiência entre secretário da Agricultura e chefe da Embrapa Trigo trata sobre sistema integrado de pesquisa
Foto: Seapi/Reprodução

O secretário da Agricultura, Pecuária e Irrigação, Ernani Polo, recebeu ontem (04) à tarde, o chefe-geral da Embrapa Trigo de Passo Fundo, Osvaldo Vasconcelos Vieira. Na audiência foi relatado ao secretário o trabalho que esta sendo desenvolvido pela Embrapa em parceria com o Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária e com o Irga.

Será retomado no mês de novembro o trabalho com soja convencional, soja de alimentação humana e soja transgênica, em área localizada no município de Júlio de Castilhos. A pesquisa envolve o plantio do grão em área de coxilha e, também, em terras baixas, em parceria com o Irga, que, de acordo com o chefe da Embrapa, Osvaldo Vasconcelos Vieira, pode ser uma boa alternativa para os produtores rurais gaúchos, principalmente aqueles que plantam arroz, que é mais resistente ao excesso de chuvas. Cinco experimentos já estão em desenvolvimento na metade sul do Estado.

Também foi tratado na reunião o programa de Conservação do Solo e da Água - Conservar para Produzir Melhor, coordenação pela seapi, com execução da Emater, e que também tem forte é importante atuação da Embrapa. Hoje, existem 78 unidades de referência no Estado, sendo 16 na região noroeste. Até o momento 19 reuniões foram realizadas, com treinamento de 435 técnicos, sendo 140 da Emater e os demais de cooperativas gaúchas.

Osvaldo disse “que temos grandes possibilidades de êxito nesse projeto. Os resultados das pesquisas deverão vir nos próximos 2 ou 3 anos e serão muito positivos”.

Para o secretário Ernani Polo “a parceria demonstra que os trabalhos de pesquisa estão tendo continuidade, com grande estímulo da Secretária de Agricultura  através do departamento de pesquisa nos centros por ele coordenados e com a vital participação da Embrapa, Emater e do Irga. Nosso objetivo é ter uma rede integrada de pesquisa em pleno funcionamento desenvolvendo trabalhos de pesquisa e inovação que possam atender a demanda dos agricultores gaúchos”. 

Fonte: Secretaria da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi)