Envie agora seu recado!

200
caracter(es) restante(s)

Notícias

Câmara de Vereadores de Garruchos iniciou roteiro de sessões ordinárias no interior do município
06 de março de 2018 às 14:54
Câmara de Vereadores de Garruchos iniciou roteiro de sessões ordinárias no interior do município
Oito vereadores se fizeram presentes. Orlando Picinin cumpria agenda em outro evento (Fotos: Jéssica Ourique)
Na tarde da segunda-feira, dia 5, a Câmara de Vereadores de Garruchos realizou a primeira sessão ordinária de várias que estão previstas para serem realizadas no interior do município.
 
Inicialmente, o presidente da Câmara, vereador Alcion de Souza Ourique deu as boas-vindas a comunidade e agradeceu pelo espaço e a oportunidade de ouvir a população. Depois Celso Beck representante da comunidade do Sarmento e Francisco Gilmar Leal representante do Assentamento São Domingos, se pronunciaram e expuseram suas opiniões sobre as necessidades de suas comunidades.
 
Durante a sessão uma caixa esteve disponível para a população depositar sugestões de melhorias, reivindicações e projetos para o município.
 
Antecedendo o grande expediente, foi lida a ordem do dia.
 
No grande expediente se pronunciaram, Luciano Scarton que falou comentou sua participação em uma reunião realizada que tratava das questões do transporte escolar no município, e evidenciou que assim com, o Rincão do Sarmento, outras localidades também tem necessidades e dificuldades, ele se dispôs a ouvir a população e pôr em prática as solicitações de melhorias.
João Silveira da Rosa destacou a importância de recorrer o interior do município para ouvir a população garruchense e citou a necessidade de uma reestruturação no município, disse ser preciso que a administração municipal acompanhe os vereadores nas reuniões descentralizadas e ouça as reivindicações das comunidade para que assim possa atender ao chamado da população. Por fim, ressaltou ter sido ele que criou a lei de realizar reuniões ordinárias no interior do município, em mandato anterior.
 
Carlinhos Mattoso considerou de extrema importância que a população conheça seus legisladores e que os vereadores acompanhem a realidade do município. Criticou o prefeito por não acompanhar a sessão e fez um apelo para que o prefeito venha nas próximas sessões que serão realizadas. Ele ainda comentou que esteve em Porto Alegre, junto com o deputado Eduardo Loureiro, para discutir sobre a linha de transporte entre Garruchos e Santo Antônio das Missões, considerando que a mesma está parada. Disse que a concessão é da Charrua e que a empresa deverá voltar a realizar a linha ou precisará deixar outra grupo de transporte assumir.
 
Jorge Adão Almeida de Morais disse que no mínimo a vez por semana visita a comunidade, e que busca acompanhar de perto a realidade e as necessidades do povo garruchense. Citou a arrumação da ERS-176, como o resultado de muita luta dos vereadores de Garruchos e afirmou que é somente através de lutas, de visitas ao governo estadual e autoridades que é possível trazer recursos para todos os setores do município.
 
Alcion de Souza Ourique, comentou a palestra sobre saúde bucal realizada pela parte da manhã para os alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Pedro Nunes de Oliveira e Escola Municipal de Ensino Fundamental Irineu Barcelos.
Disse ter consciência de que, a comunidade do Sarmento é carente e que necessita da ajuda dos vereadores. Relatou que atualmente, os vereadores tem recebido muitas críticas sobre as viagens e gastos com diárias, mas exemplificou que, o somente foi arrumada a ERS-176 porque os vereadores foram bater nas porta dos deputados. Evidenciou que o ministério público está entrando com uma ação pública contra o Governo do Estado, questionando porque não foi construído o asfalto, e onde foi aplicado o recurso. Informou ainda que esteve em Porto Alegre nos últimos dias e protocolou um pedido de 20 casas polares pra Garruchos.
 
Os demais vereadores não se pronunciaram e Orlando Picinin não participou do encontro devido estar representando Câmara de Vereadores em outro evento.
 
Em entrevista a reportagem do Grupo Fronteira Missões Alcion informou que o roteiro completo das sessões ainda não está definido, mas que a primeira sessão de cada mês será em alguma das localidades do interior de Garruchos, até que seja possível ouvir toda a população garruchense. Possivelmente, a próxima comunidade a receber a reunião descentralizada é o Rincão São José Velho.
 
 

Por Jéssica Ourique

Fonte: Grupo Fronteira Missões